Sebrae Acesse o Portal Sebrae
Você está na ASN

Agência Sebrae de Notícias

 O Geoparque Seridó envolve os territórios dos municípios de Acari, Carnaúba dos Dantas, Cerro Corá, Currais Novos, Lagoa Nova e Parelhas (Foto: Getson Medeiros)
ASN RN 29/07/22 às 18:50
Compartilhe

Sebrae lança programa de liderança para o desenvolvimento do Geoparque Seridó

Por Redação
ASN RN 29/07/22 às 18:50
Compartilhe

Currais Novos – Depois de ser reconhecido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como um dos 177 geoparques mundiais, o Geoparque Seridó busca fortalecer a governança, formada por atores de diversas esferas nos seis municípios integrantes do consórcio intermunicipal, e criar um plano de desenvolvimento sustentável da área. Para mobilizar, qualificar e integrar as lideranças já estabelecidas, no sentido de planejar e coordenar as ações a serem implementadas na região, o Sebrae no Rio Grande do Norte estruturou o Programa Liderança para o Desenvolvimento Regional (Lider) Geoparque Seridó. O lançamento da iniciativa ocorreu na noite desta quinta-feira (28), em Currais Novos.

O foco do projeto é, por meio de metodologia específica, mobilizar e integrar lideranças para o Planejamento Regional e a Gestão do Desenvolvimento através dos pequenos negócios. Serão definidos 50 líderes locais, que passarão por uma série de qualificações, em encontros com atividades específicas, para construção da Agenda de Desenvolvimento Sustentável do Geoparque Seridó. O programa começa já em agosto próximo e vai até dezembro de 2023.

Ângelo Roncalli apresentou a experiência do projeto em Minas Gerais durante o lançamento (Fotos: Agência Sebrae)

O lançamento reuniu prefeitos da região, políticos e representantes de instituições ligadas direta e indiretamente ao geoparque. Participaram do evento o prefeito de Currais Novos, Odon Júnior, e a diretora executiva do Geoparque Seridó, Janaína Medeiros, além de outras autoridades. Os diretores do Sebrae no Rio Grande do Norte José Ferreira de Melo Neto (superintendente) e João Hélio Cavalcanti (técnico) prestigiaram a solenidade, assim como o gerente da Agência Sebrae no Seridó Oriental, Célio Vieira.

Durante a apresentação do programa Líder, o diretor superintendente do Sebrae destacou que o projeto é baseado em uma experiência exitosa, que já foi desenvolvida em territórios de outros estados, e falou do empenho do Sebrae, por meio da capacidade de articulação, em tornar de forma colaborativa o geoparque um exemplo de desenvolvimento sustentável.

“O Sebrae trabalha com desenvolvimento local há anos e isso ensejou a criação de uma forma nova de abordar as questões regionais, que é o Programa lider. Juntos com técnicos, classe política, empresários, terceiro setor e academia, somos responsáveis por construir um plano de desenvolvimento para os seis municípios que fazem parte do Geoparque Seridó. O projeto não é do Sebrae, por isso estamos entregando esse projeto ao ecossistema para construirmos, juntos e com responsabilidade, um grande projeto para a região”, defende Zeca Melo, como é mais conhecido o superintendente.

O prefeito de Currais Novos, Odon Júnior, e os diretores do Sebrae-RN, Zeca Melo e João Hélio, e integrantes da Agência Sebrae no Seridó Oriental participaram do evento (Foto: Agência Sebrae)

Entre as experiências em prol do desenvolvimento local, ele se refere a projeto, entre outros, com o Município Mais Empreendedor, que visa instalar Salas do Empreendedor em todas as cidades do Rio Grande do Norte. “Vamos implantar uma Sala do Empreendedor em cada um dos 167 municípios do Rio Grande do Norte e a implantação efetiva começa já nos dias 22 e 23 de agosto”, estabelece.

O diretor técnico João Hélio Cavalcanti também ressaltou a importância do programa para consolidação do Geoparque Seridó com o fortalecimento da governança do parque. “O projeto é um marco para nós, que fazemos o Sebrae. Vemos como uma virada de página muito estratégica para aquilo que pretendemos fazer. Queremos somar ao que foi pensado pelas lideranças da região, pois só se faz desenvolvimento sustentável no semiárido desenvolvendo líderes”, justifica o diretor.

O prefeito Odon Júnior, que é o presidente do Consórcio Intermunicipal dos Municípios do Geoparque Seridó, enfatizou a participação no lançamento do programa de várias lideranças do setor educacional de cidades do Seridó e, segundo ele, elas são fundamentais para o desenvolvimento do território. “Vamos entregar um plano de desenvolvimento regional para a sociedade”.

Rômulo Rende ficará encarregado de aplicar a metodologia do programa entre as lideraças selecionadas do Geoparque Seridó

Os geoparques são áreas geográficas únicas e unificadas, onde os locais e paisagens de significado geológico internacional são gerenciados com um conceito holístico de proteção, educação e desenvolvimento sustentável. A estratégia de desenvolvimento sustentável aliada a uma gestão de qualidade passa por três componentes principais em um geoparque: geoconservação, geoeducação e geoturismo.

O território do Geoparque Seridó, que agora é um dos geoparques mundiais da Unesco, situa-se no semiárido nordestino, região centro-sul do Estado do Rio Grande do Norte, envolvendo totalmente os territórios dos municípios de Acari, Carnaúba dos Dantas, Cerro Corá, Currais Novos, Lagoa Nova e Parelhas. Estes municípios fazem parte da mesorregião Central Potiguar e englobam partes das microrregiões Serra de Santana e Seridó Oriental.

Funcionamento do programa

De acordo com Rômulo Rende, que é o técnico encarregado de implementar as ações do Programa Lider, a identificação das lideranças é fundamental para a inciativa ter êxito. “São os líderes quem define e tem as respostas sobre como desenvolver um território. Não é um salvador da pátria nem o poder público sozinho, e sim, as pessoas que vivem, amam, moram e trabalham na região”, afirma.

Para Rômulo Rende, os líderes serão identificados pelo Sebrae num processo criterioso para que, ao longo de oito encontro, possam construir uma agenda de desenvolvimento regional e articular para que a agenda aconteça. “A partir desse movimento, temos visto Brasil afora uma grande transformação acontecendo nos territórios. Agora, chegou a vez do Rio Grande do Norte, chegou a vez do Geoparque do Seridó”.

Ângelo Roncalli acredita que os líderes são partes fundamentais para o densevolvimento do Geoparque e prevê que o programa será uma referência

O ex-prefeito de São Gonçalo do Pará (MG) e ex-presidente da Associação Mineira de Municípios, Ângelo Roncalli, foi convidado pelo Sebrae no Rio Grande do Norte para relatar a experiência nesse tipo de iniciativa realizada em Minas Gerais. Na avaliação de Roncalli, o Geoparque Seridó tem tudo para dar certo. “O Programa Lider tem sido um sucesso no Brasil, e aqui não vai ser diferente. A região já tem uma diversidade econômica interessante, possui um comércio pujante e um consórcio de munícipios, que tem feito um trabalho diferenciado na região”, opina.

Sobre o papel dos líderes, ele acredita que são essenciais para construir essa agenda de desenvolvimento e focar na busca de melhorias na região. “Tenho convicção de que o projeto vai ser uma das referências do Brasil, pois já tem um modelo de governança instituída com a participação dos prefeitos de praticamente todos os municípios.

Ele destacou o potencial de mobilização em torno do Geoparque Seridó, apontando que, já no lançamento, foi possível perceber o comprometimento de mais de 100 líderes, que a própria metodologia vai ter que selecionar para ter 50 deles. “Isso demonstra o compromisso e o interesse de toda a região com o desenvolvimento para melhoria da qualidade de vida”.

Compartilhe
Ficou com alguma dúvida ou tem sugestões? Entre em contato pelo [email protected] ou fale com a ASN em cada UF
Aviso de Cookies

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação.
Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.